Como abrir um escritório de contabilidade? Confira 7 dicas!

Categoria: Dicas

Postado em 29 de agosto de 2019

minutos

Ser dono do próprio negócio é um dos principais objetivos de um empreendedor. Não importa qual é a sua área e atuação, o ideal de se tornar um profissional responsável e independente é o que os motiva a continuar lutando.

E no setor contábil os objetivos são praticamente os mesmos. Os profissionais de contabilidade buscam sua autonomia, criando a própria marca, mas não querem mais ficar sujeitos à oferecer apenas serviços de lançamentos de notas. Eles querem e estão buscando realizar funções mais complexas e desafiadoras, como é o caso de um consultor financeiro por exemplo. 

Por isso, se você também está interessado em administrar o próprio negócio mas não sabe por onde começar, confira 7 dicas que vão ensiná-lo como abrir um escritório de contabilidade com segurança e eficiência.

Independência no mercado

Às vezes o primeiro passo assusta. Isso porque sair da faculdade e em seguida ingressar dentro de um mercado competitivo é extremamente desafiador e emocionante. Contudo, hoje os profissionais de contabilidade já conseguem ter acesso à soluções capazes de auxiliá-los e acalmá-los durante todo esse processo. 

Muitos ainda se sentem perdidos, desorientados e sem saber ao certo qual é o caminho mais seguro antes de tomar uma decisão. Querem agir de forma consciente e responsável e sabem que isso é essencial para que não se arrependam por conta de uma atitude precipitada.

Para ajudar nesse processo, abaixo separamos algumas dicas sobre como abrir um escritório de contabilidade. São passos simples mas que, quando bem realizados, podem ser essenciais para tornar a sua marca um negócio sólido e de sucesso. Confira!

7 dicas de como abrir um escritório de contabilidade   

1. Faça um planejamento

No começo é sempre difícil ter uma estabilidade financeira para abrir um negócio. As despesas são altas, o trabalho de captar clientes é gigante e o medo de não conseguir arcar com todas as responsabilidades parece ser o suficiente para barrar os profissionais na busca por seu espaço. 

No entanto, há uma solução que promete amenizar essas preocupações. Algo que vai exigir de você apenas um pouco de esforço e dedicação. E que solução é essa? Fazer um planejamento! 

Coloque em um papel todas as previsões para o faturamento, manutenção dos negócios e também os investimentos relacionados à abertura da empresa. Pode não parecer, mas ter os dados bem especificados te prepara financeiramente para impedir que você tome decisões baseadas na emoção. 

Um contador sabe que para um negócio começar certo, cada uma de suas ações e estratégias devem ser estudadas e mensuradas. Então, comece montando o seu planejamento hoje! 

2. Escolha uma boa localização

Depois que feito o planejamento está na hora de você escolher o local para montar o seu negócio. E esse não pode ser uma localização qualquer, mas sim um espaço que vai permitir que a sua marca seja vista e também reconhecida por todos. Selecione todas as opções, estude preços e verifique se o lugar está localizado em um meio onde ocorre um grande tráfego de pessoas.   

Caso o seu perfil prefira um local menos “agitado” e mais afastado de movimentação, confira as outras alternativas disponíveis no mercado. Mas sempre com foco em apresentar a sua marca para novos clientes. 

3. Cuide dos processos burocráticos

Assim que escolhida a localização adequada, você já pode dar início aos trâmites para a abertura do seu negócio. Reúna a documentação exigida, envie as informações para a Junta Comercial e providencie todos os alvarás para realização dos serviços. Depois disso, aguarde. 

No momento que todos os documentos tiverem sido liberados, você estará preparado para começar a montar o seu escritório com mais tranquilidade.

4. Adquira os equipamentos necessários 

Alguns anos atrás os contadores realizavam os serviços e digitalizavam toda a documentação por meio de processos manuais. Hoje, com a facilidade de acesso e o uso da tecnologia, os profissionais conseguem acelerar as atividades e adquirir mais tempo para se dedicarem à outros compromissos.

Ou seja, não deixe de investir na modernização. Adquira computadores e equipamentos inovadores e invista em um bom software contábil para ajudá-lo a atender os clientes de forma mais rápida. Já é possível trabalhar com sistemas que não só facilitam o lançamento de dados, como conseguem concentrar as informações de todos os setores em um só lugar. Seja dos departamentos Financeiro, RH e Fiscal, entre outros. 

5. Contrate uma equipe especializada 

Agora que você já possui uma infraestrutura de qualidade, está na hora de montar a sua equipe. Essas pessoas estarão ao seu lado no dia a dia e escolher os profissionais certos é a garantia de que os seus serviços serão bem valorizados. 

Não só a contratação, busque também formas de tornar o ambiente de trabalho agradável e meios de motivar os envolvidos para que não haja uma rotatividade de funcionários. Preocupe-se em criar um time sólido, de confiança e não pare de buscar conhecimento em gestão de pessoas. Isso vai fazer com que a convivência e a comunicação se torne mais fácil.

Caso você ache essa uma etapa complicada e burocrática, firmar parcerias pode ser uma alternativa interessante já que a sua empresa fica isenta de ônus de contratação, por exemplo. Não só isso, essa opção impede que você tenha que arcar com quaisquer riscos relacionados às questões trabalhistas.  

6. Busque parceiros 

Conquistar credibilidade e a confiança dos clientes pode ser um processo lento e demorado e isso porque você recém está criando a sua marca. No entanto, muitos profissionais não possuem toda essa paciência e nem estão dispostos a esperar meses (e até anos) para colher frutos melhores.

Nessas circunstâncias o caminho mais efetivo seria buscar parceiros especializados na área e que já possuem credibilidade, experiência e conhecimento sobre os processos. Como é o caso das franquias, por exemplo.    

7. Divulgue a empresa 

Por último, mas não menos importante, está na divulgação do seu negócio. No tópico em que falamos sobre localização, abordamos a necessidade do profissional apresentar a sua marca no mercado. E essa é uma ideia que também vai valer para o mundo digital. 

Muitos profissionais já investem no desenvolvimento de estratégias de marketing e também na criação de plataformas para divulgação de serviços, como por exemplo sites, blog e redes sociais. O acesso rápido online permite uma comunicação mais direta com o público, permitindo que você interaja com os interessados e que também consiga captar novos clientes.  

Já se sente preparado para abrir o seu próprio negócio? Ainda acha que, por ser um desafio, isso pode soar muito difícil? Clique e então descubra porque uma franquia para contadores é o que faltava para o seu negócio. 

Comentários